Atitudes anímicas para elevação do pensar, sentir e querer


ATITUDES ANÍMICAS PARA ELEVAÇÃO DO PENSAR, SENTIR E QUERER

Rudolf Steiner

Fonte: Conhecimento dos Mundos Superiores


“Cada um pode, mas somente por si próprio, despertar dentro de si o ser humano superior.”


Algumas indicações de Rudolf Steiner:

Desenvolver veneração diante da verdade e do conhecimento.
Desenvolver o mais profundo sentimento de que existe algo superior ao que se é.
Desenvolver humildade e modéstia.
Reprimir crítica supérflua e desdenhosa.
Considerar sempre o lado bom de tudo e de todos.
Procurar, no ambiente e nas vivências, tudo o que possa causar admiração e respeito.
Sempre respeitar o outro, inclusive nos pensamentos.
Desenvolver a veneração, o respeito e a devoção, pois são alimentos para a alma, ao passo que desprezo, antipatia e depreciação de valores que merecem reconhecimento produzem paralisia e desaparecimento da atividade cognitiva.
Não correr de uma impressão a outra no mundo exterior, constantemente em busca de distração.
Rica vida interior; aprofundar-se em si próprio em alguns momentos de cada dia, mas neles não tratar de assuntos do próprio “eu” e, sim, deixar ressoar o eco do que o mundo exterior revela.
Não aprender a fim de acumular o aprendizado dentro de si mesmo como um tesouro de sabedoria mas, sim, para colocar o aprendizado a serviço do mundo.
Governar cada ato, cada palavra, de tal forma que não se atinja o livre arbítrio de qualquer ser humano.
Aprender a discernir entre o essencial e o supérfluo.
Manter calma e segurança em situações difíceis da vida.
Confrontar-se energicamente consigo mesmo, com veracidade interior e irrestrita sinceridade para com todos os atos e ações.
Procurar ter pensamentos claros e calmos, não se entregando aos que surgem.
Aumentar constantemente a força moral, a candura interior, a capacidade de observação.
Aumentar continuamente a compaixão para com animais e seres humanos, e sensibilidade para com a beleza da natureza.


APOIE ESTE TRABALHO:


Sinta se o conteúdo faz sentido para você ou não para compartilhar:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *