Reverência e amor ao professor


SOBRE GUERRA E A REAÇÃO FALSA

Jiddu Krishnamurti

Fonte: Jiddu Krishnamurti – No Curso da Existência


E caminho ao Sol quando me posiciono no mundo…


Gostaria de fazer um relato. Ontem, sexta-feira 13/12/2019, aconteceu o encerramento do ciclo fundamental de 8 anos da Escola Arandu em Florianópolis. Tive a imensa honra de participar deste momento mágico.

A professora Marina Henrique fez seu fechamento de ciclo, na pequena e simples sala em que acompanhou e ajudou no desenvolvimento da sua turma durante todo o período em que lecionou. Como muitos devem saber, o professor de sala na Escola Waldorf acompanha sua turma durante todo o fundamental, do 1º ao 8º ano, assim pode acompanhar o desenvolvimento e processos de forma bem singular para cada aluno, percebendo suas individualidades e processos particulares, ajudando-os a superar suas dificuldades e a fortalecer seus talentos e aptidões de forma que possam contribuir ao máximo para que os alunos saiam firmes e seguros para continuar sua jornada na vida e com suas chamas interiores fortes para serem o que vieram ser e superar os desafios que virão.

Quem estuda a Pedagogia Waldorf sabe da importância do suporte à força interior e expressão da individualidade da criança, muito além do mero repassar conteúdos pré estabelecidos…

Quero relatar aqui que é mágico, ver a reverência e amor desses alunos em relação ao professor, o apoio e cumplicidade dos pais para ajudar que seus filhos floresçam e que o(a) professor(a) realize seu trabalho.

Relatos como: minha filha disse em casa que você será convidada para todos os eventos mais importantes da vida dela. Ou daquela outra jovem que chora ao deixar a sala pela última vez. Ou mesmo o choro compartilhado da despedida (ou um até breve) de professora e alunos…

Quero colocar aqui como isso toca a alma e o coração, pois estamos num momento onde os professores são perseguidos, menosprezados, acusados, faculdades sendo atacadas, um Ministro da Educação e um governo que apenas atacam jovens e professores, pejoram seus trabalhos, onde não existe nenhum reconhecimento nem valorização da tarefa gigante desses profissionais e instituições, apenas a sua demonização, inclusive apoiada e justificada por muitos…

Quero deixar aqui meu agradecimento e apoio a todos professores e Instituições e dizer, um novo Sol vai brilhar, em breve… a tarefa de vocês é sagrada.

Com amor e reverência,

Leonardo Maia
(e parabéns à Marina e sua turma!!!)


Sinta se o conteúdo faz sentido para você ou não para compartilhar:


 AJUDE A MANTER A BIBLIOTECA NO AR:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *